We offer lace bridesmaid dresses, lace top bridesmaid dresses
fundadores



FUNDADORES

HORUS VITAL BRAZIL

Um dos fundadores da Sociedade de Psicanálise Iracy Doyle, Horus foi professor, supervisor e analista de várias gerações de psicanalistas. Estudioso da teoria e da clínica, profundamente envolvido com a transmissão da psicanálise, manteve grupos de estudo até poucas semanas antes de sua morte. Como membro fundador da SPID, lutou juntamente com seus colegas co-fundadores, no sentido de implantar, na instituição, um espaço democrático, crítico e livre de autoritarismo, voltado à reunião entre pares orientados segundo o princípio pluralista, isto é, uma formação que contemple a diversidade de contribuições teórico-clínicas e voltada a um estilo que, apoiado nos trabalhos básicos de Freud, leve à formação de opinião ao lado de permanente questionamento.

Autor de numerosos trabalhos entre livros e artigos, além de extensa contribuição institucional voltada ao ensino da psicanálise, Horus publicou, no segundo semestre de 2004, dois livros: Psicanálise cem anos depois e outros ensaios, uma reunião de textos escolhidos entre sua produção escrita entre os anos 1978 e 2004 e Poesias acontecidas, uma seleção de escritos poéticos, este sob o pseudônimo de João Navarro.

Horus Vital Brazil faleceu na tarde do dia 17 de maio, aos 79 anos, em sua residência em Ipanema, no Rio de Janeiro.



Verbete sobre Horus escrito por Ana Maria Rudge para o Dicionário Biográfico da Psicologia no Brasil - Pioneiros, organização de Regina Helena de Freitas Campos - Rio de Janeiro: Imago Ed.; Brasilia, DF: CFP, 2001, 464pp.

Brazil, Horus Vital (1926 - 2005)

Horus Vital Brazil graduou-se em medicina pela Faculdade Fluminense de Medicina em 1949.

Foi assistente, e depois chefe de departamento, no Instituto Vital Brazil, fundado por seu pai em Niterói. Trabalhou também no Serviço Especial de Saúde Pública do Ministério de Saúde, em 1950/51 e no Ministério da Aeronáutica. Tornou-se em 1952 chefe do Departamento de Psicologia e Psiquiatria do Instituto de Seleção e Controle. Durante o sexto ano do curso de medicina fez estágio no Manicômio Judiciário Heitor Carrilho. Seu doutorado em psiquiatria foi realizado, de 1957 a 1960, no programa de residência do Bellevue Psychiatric Hospital da New York University. Fez parte da primeira turma do Instituto de Medicina Psicológica, fundado por Iracy Doyle em 1952. Fez sua análise com ela, de 1952 até o ano do falecimento prematuro da fundadora, em 1956. Em vista dessa ausência, foi completar sua formação psicanalítica no William Alanson White Institute, de Nova York, retomando sua análise pessoal com Clara Thompson, figura que influenciou sua formação no sentido da valorização da prática clínica e do interesse por contribuições de todas as diferentes linhas teóricas, sem fechamentos e dogmatismos. No W.A. White, no Bellevue Psychiatric Hospital e no Flower Fifth Avenue Hospital da Columbia University, onde também freqüentou seminários clínicos e teóricos, teve supervisores e professores das mais diversas, muitas vezes divergentes, posições teórico-clínicas. De Erich Fromm a Michael Balint, de Frida Fromm-Reichmann a Alberta Szalita-Pemow e Florence Powdermaker.

Ao voltar de Nova York, em 1961, Horus reinaugura o Instituto de Medicina Psicológica (atual Sociedade de Psicanálise Iracy Doyle) com os seus colegas Jaime Pereira, Magdalena Pimentel e Urano Alves, visando manter a formação psicanalítica referida à diversidade de contribuições clínico-teóricas e a um estilo de transmissão que, apoiado na contribuição básica de Freud, leva à formação de opinião e ao questionamento permanente.

Foi membro da American Psychiatric Association, da American Association for the Advancement of Science, da Associação Brasileira de Psiquiatria, da World Psychiatric Association, da American Society of Hispanic Psychiatrists, da William Alanson White Psychoanalytic Society, da Sociedade de Psicanálise Iracy Doyle, "fellow" da American Academy of Psychoanalysis, membro "didata" do Centro Psicoanalitico de Madrid. Foi editor das revistas “Tempo Psicanalítico”, da SPID, que fundou, e de “Conscientia”, da Editora Vozes de Petrópolis. Foi também editor associado da "Weiterentwicklung der Psychoanalyse und Ihrer Anwendlungen", da editora Vandenhoek und Ruprecht, de Gottingen und Zurich, em 1974 e 1975. Desde 1970, é editor associado de "Contemporary Psychoanalysis", revista da W.A.White Society. Participou de inúmeros Congressos, o mais recente deles tendo sido o XI International Forum of Psychoanalysis, em New York, onde apresentou o trabalho "An Ethic for the Psychoanalyst in the Postmodern Age", que considera um testemunho final de uma opinião formada por muitos anos no difícil ofício de ser psicanalista.

PUBLICAÇÕES desde 1969

 

1 -Vital Brazil, H. -"El Sintoma de Fobia en la situación transferencial", Revista de Psicoanalisis, Psiquiatria y Psicologia, 13, 57-63, Sept/Dec 1969, Fondo de Cultura Economica, Mexico.

 

2 -Vital Brazil, H., Gnattali, R. -" La Función del 'Otro' en el Grupo Terapeutico", apresentado na IIa. Jornada do "Fórum Internacional de Psicoanálisis", Madrid 1970; publicado em Estudos de Psicoanálise, 5; 44-59, 1971, CBP, Belo Horizonte.

 

3 -Vital Brazil, H., Gnattali, R. -"El Sueño significativo en el Grupo Terapéutico", Estudos de Psicoanálise, 8; 64-70, 1973, CBP, Belo

Horizonte.

 

4 -Vital Brazil, H. -"A Estrutura em Metapsicologia - um ensaio crítico",

em Psicanálise em Crise, Conscientia 1, 11-30, Editora Vozes Ltda., 1974, Petrópolis.

 

5 -Vital Brazil, H. -"The Psychoanalytic Discourse in the Social Context", in Weiterentwicklung der Psychoanalyse und ihrer Anwendlungen, Herausgeber G.Chrzanowski/A.Heigl-Evers/H.V.Brazil/W.Schwidder, Vorträge des V Internationalen Foruns für Psychoanalyse, Berlin 1974, Verlag Vandenhoeck & Ruprecht, in Göttingen und Zürich.

 

6 -Vital Brazil, H. -"O Discurso Psicoanalítico no Contexto Social", em Psicanálise: problemas metodológicos, Conscientia 2, 920, Editora Vozes Ltda., 1975, Petrópolis.

 

7 -Vital Brazil, H. -"The Dilemma of Training Analysis", symposium "On the Complexities of Teaching and Learning Psychotherapy", Contemporary Psychoanalysis, vol. 11, nº. 2, 1975, W.A.White Psychoan. Soc., Academic Press Inc., New York.

 

8 -Vital Brazil, H. -"Apresentação", em Conscientia 2, 7-8, Ed. Vozes Ltda, 1975, Petrópolis.

 

9 -Vital Brazil, H. -"Editorial", Tempo Psicanalítico, vol. 1, nº. 1, 78, SPID, 1978.

 

10-Vital Brazil, H. -"O campo intersubjetivo, o objeto transferencial e o silêncio", Tempo Psicanalítico, vol. 1, nº. 1, 77-92, SPID, 1978.

 

11-Vital Brazil, H. -"A atualidade das contribuições de Harry Stack Sullivan", Tempo Psicanalítico, vol. II, nº. 1, 6-7, SPID, 1979.

 

12-Vital Brazil, H. -"Sobre o lugar do interpretante", Tempo Psicanalítico, vol. II, nº 2, 93-96, SPID 1979.

 

13-Vital Brazil, H. -"Erich Fromm (1900/1980)", Tempo Psicanalítico, vol. III, nº 1, 6-7, SPID 1980.

 

14-Vital Brazil, H. -"Sobre Psicanálise e Violência", Tempo Psicanalítico, vol. III, nº 2, 55-67, SPID 1980.

 

15-Vital Brazil, H. -"A Psicanálise e as Antropologias", em Simpósio: Psicanálise e Política, 45-54, Editora Bloch, Rio de Janeiro, 1981.

 

16-Vital Brazil, H. -"Indagando sobre o Inconsciente", Tempo Psicanalítico, vol. IV, nº 1, 5-6, SPID 1981.

 

17-Vital Brazil, H. -"A Hiância como fundamento da realidade do Inconsciente", Tempo Psicanalítico, vol. IV, nº 1, 23-27, SPID 1981.

 

18-Vital Brazil, H. -"A Revisão do Conceito de Inconsciente na URSS", Tempo Psicanalítico, vol. IV,nº 1, 65-69, SPID 1981.

 

19-Vital Brazil, H. -"Silvano Arieti (1914/1981)", Tempo Psicanalítico, vol. IV, 78-79, nº 2, SPID 1981.

 

20-Vital Brazil, H. -"Moldura, Interpretação e Transferência", em Transferência e Interpretação,coord. Joel Birman e Carlos Augusto Nicéas, Teoria da Prática Psicanalítica 1, 105-116, Editora Campus Ltda., Rio de Janeiro 1982.

 

21-Vital Brazil, H. -"Sobre a Deformação da Formação Psicanalítica", Tempo Psicanalítico, vol. V, nº 1, 35-43, SPID 1982.

 

22-Vital Brazil, H. -"Contradição e Contrariedade", Tempo Psicanalítico, vol. VI, nº 1, 52-62, SPID 1983.

 

23-Vital Brazil, H. -"O Inconsciente e a Linguagem", Tempo Psicanalítico, vol. VI, nº 2, 56-64, SPID 1983.

 

24-Vital Brazil, H. -"A Psicanálise entre Dois Narcisismos", Tempo Psicanalítico, vol. VII, nº 1 e 2, 9-28, SPID 1984.

 

25-Vital Brazil, H. -" La Psychanalyse entre deux Narcissismes: le pouvoir dans la transmission du savoir", enc. Topique, PUF, Paris, Déc. 1984.

 

26-Vital Brazil, H. -"A Psicanálise e o 'Ciclo da Vida': uma introdução", Tempo Psicanalítico, vol. VIII, nº 1 e 2, 5-16, SPID 1985.

 

27-Vital Brazil, H. -"Enovelamentos", Tempo Psicanalítico, vol. VIII, nº. 1 e 2, 60-62, SPID 1985.

 

28-Vital Brazil, H. -"Uma leitura crítica entre Freud e Lacan", Tempo Psicanalítico, vol. IX, nº 1, 33-38, SPID, 1986.

 

29-Vital Brazil, H. -"Verdade e Realidade em Psicanálise", Tempo Psicanalítico, vol. IX, nº 2, 79-90, SPID, 1986.

 

30-Vital Brazil, H. -"Symptom and Signification", The American Journal of Psychoanalysis, vol. 46, nº 2, 167-172, 1986.

 

31-Vital Brazil, H. -"Psychoanalysis and the 'Life Cycle': an introduction", The American Journal of Psychoanalysis, vol. 46, nº 4, 300-309, 1986.

 

32-Vital Brazil, H. -"Psicanálise e uma Ética de Renúncia", Tempo Psicanalítico, vol. X, nº 2, 38-47, SPID, 1987.

 

33-Vital Brazil, H. -"A Invenção do Poeta e o Sujeito da Dúvida", Tempo Psicanalítico, vol. X, nº 3, SPID, 1987.

 

34-Vital Brazil, H. -"Psicanálise e Universidade", trabalho apresentado nos debates sobre "Ensino da Psicanálise na Universidade", CEPCOP, Universidade Santa Ursula, 1987. Publicado nos Arquivos de Psicanálise, Ano 1, nº 2, CEPCOP, Univ. Santa Ursula, 1988.

 

35-Vital Brazil, H. -"On questioning the psychotherapy of the psychosis", discussion of the paper "Care and Confidence", by Páivikki Viinisalo; presented at the "Fifth Scientific Conference of the International Federation of Psychoanalytic Societies", New York, October 1987. Publicado em The American Journal of Psychoanalysis, vol.48, nº 4, 320-327, Winter 1988.

 

36-Vital Brazil, H. -"O Sujeito da Dúvida, a Interpretação e o Real", CEPUERJ, colóquio "Narrativa: História e Ficção", Novembro 1987. Publicado em Narrativa: Ficção e História, coord. Dirce Côrtes Riedel, Editora Imago, Rio de Janeiro, 1988.

 

37-Vital Brazil, H. -"Comentários sobre o passe", palestra realizada no Centro de Estudos da SPID em 4/10/88. Transcrita e publicada nos Cadernos do Tempo Psicanalítico, nº 2, Outubro de 1993.

 

38-Vital Brazil, H. -"Sintoma, Significação e Cura", em Análise, com ou sem fim, coord. Joel Birman e Carlos Augusto Nicéas, Teoria da Prática Psicanalítica 5, 55-77, Editora Campus, Rio de Janeiro, 1988.

 

39-Vital Brazil, H. -"Psicanálise, Psicoterapias e o Significante da Transferência", Tempo Psicanalítico, vol. XI, nº 1, 12-17, SPID, 1988.

 

40-Vital Brazil, H. -"Sobre a Diferença entre Psicanálise e as Psicoterapias", apresentado no "IV International Symposium of the American Society of Hispanic Psychiatrists", March 9-16, 1988, Rio de Janeiro.

 

41-Vital Brazil, H. -"A Estrutura de Sublimação em Psicanálise", em Hélio Pellegrino A-Deus,simpósio sobre Psicanálise e Religião em homenagem a Hélio Pellegrino, coord. Joao Carlos Moura, Editora Vozes, Petrópolis 1988.

 

42-Vital Brazil, H. -"A Psicanálise entre Teoria e Prática", apresentado no primeiro painel coordenado por Carlos Alberto Barreto, de uma série de "Encontros com Hélio Pellegrino", PUC-RJ, 16 Nov. 1988.

 

43-Vital Brazil, H. -"As Estruturas de Sublimação em Psicanálise", Tempo Psicanalítico, vol. XII, nº 1, 14-20, SPID, 1989.

 

44-Vital Brazil, H. –“Joseph Barnett: The Impractical American”, Contemporary Psychoanalysis, 25, 669-670, W.A.White Institute, New York, 1989.

 

45-Vital Brazil, H. -"Psicanálise, Cem Anos Depois", trabalho apresentado na sessão inaugural do VIII Forum Internacional de Psicanálise, Rio de Janeiro, 10-14 de Outubro, 1989. Publicado emTempo Psicanalítico, 24, SPID, 1990.

 

46-Vital Brazil, H. -"Hamlet e o Sujeito da Dúvida", trabalho apresentado na série de conferências sobre "Psicanálise e Literatura", no "Centro de Estudos Jurandir Manfredini", Hospital Pinel, Rio de Janeiro 1 Nov. 1989.

 

47-Vital Brazil, H. -"A Psicanálise e a sua Transmissão", apresentado no Forum Permanente de Debates, Sociedade Brasileira de Psicanálise do Rio de Janeiro, 11 Agosto 1990.

 

48-Vital Brazil, H. -"Entre Psicanálise e Literatura: no intertexto uma questão de estilo", trabalho apresentado no Primeiro Fórum Brasileiro de Psicanálise e VIII Congresso do Circulo Brasileiro de Psicanálise, Belo Horizonte, MG, Setembro de 1990.

 

49-Vital Brazil, H. -"De l'Interprétation et du Style", Topique, revue freudienne, 46, 281-292, Dunod, Gauthiers-Villars, Paris, 1990.

 

50-Vital Brazil, H. -"A Experiência do Passe", apresentado à Comissão de Estudos, SPID, Março de 1991.

 

51-Vital Brazil, H. -"O Passe Freudiano", apresentado na Secretaria do Fórum, SPID, 24 Abril 1991.

 

52-Vital Brazil, H. -"O Sujeito da Dúvida como Função da Intersubjetividade", trabalho apresentado nos "Confrontos em Psicanálise", PUC-RJ, 3 Out. 1991.

 

53-Vital Brazil, H. -"A Psicanálise e seus Destinos", conferência de abertura do II. Fórum Brasileiro de Psicanálise, Rio de Janeiro, 24 Out. 1991. Publicado em Psicanálise e seus Destinos,organizadores: José Durval Cavalcanti de Albuquerque e Edson Lannes, SPID, Coqueiral, Rio de Janeiro 1993.

 

54-Vital Brazil, H. - "Psicanálise, Teoria e Poder", trabalho apresentado no Segundo Encontro com Hélio Pellegrino, IPUB, 13 Nov. 1991.

 

55-Vital Brazil, H. -"Entre Psicanálise e Literatura: no Intertexto uma Questão de Estilo", emPoder da Cultura e A Opressão do Homem, Welber da Silva Braga, Estação da Arte, Belo Horizonte, MG, 1991.

 

56-Vital Brazil, H. -"De Sullivan a Lacan", trabalho apresentado na Secretaria do Fórum, SPID,Abril 1992.

 

57-Vital Brazil, H. -"Uma Ética de Renúncia e Reconhecimento", trabalho apresentado na EBAP/FGV, Programa de Estudos Estratégicos, Projeto Ética Pública e Privada, 29 de Maio 1992.

 

58-Vital Brazil, H. -"Ambição e Paixão pelo Poder", trabalho apresentado no Simpósio sobre Identidade Masculina, Rio de Janeiro, 14 a 17 de Setembro de 1992, PUC-RJ. Publicado em A Desconstrução do Masculino, org. Sócrates Nolasco, Ed. Rocco, Rio de Janeiro 1995.

 

59-Vital Brazil, H. -Dois Ensaios entre Psicanálise e Literatura, Editora Imago, Rio de Janeiro, 1992.

 

60-Vital Brazil, H. -"O Ominoso ou a Estranheza Angustiante", apresentado no Curso de Leitura Crítica de Textos Freudianos, SPID, 29 Setembro 1992.

 

61-Vital Brazil, H. -"Hamlet, o Ciclo Edipiano e o Sujeito da Dúvida", Cenário, Psicanálise e Cultura 1, 9-22, GREP, Belo Horizonte 1992.

 

62-Vital Brazil, H. -"Sobre a Interpretação e o Estilo - uma homenagem a Piera Aulagnier", emTempo Psicanalítico, Interpretação e Ato, nº 26, (53-73), SPID, Rio de Janeiro 1993.

 

63-Vital Brazil, H. -"A Função da Interpretação - leitura de uma experiência entre dois psicanalistas", trabalho apresentado na Secretaria do Fórum, SPID, Junho 1993, publicado:Cadernos do Tempo Psicanalítico, nº 1, SPID Agosto de 1993.

 

64-Vital Brazil, H. -"Psicanálise e Literatura", conferência realizada no Centro de Estudos Nobre de Mello, Hospital Universitário Pedro Ernesto, UERJ, 20 de Julho, 1993.

 

65-Vital Brazil, H. -"As Ideologias do Desejo, Utopias e um Inconsciente Político", conferência na Série de Palestras sobre Psicanálise e Política, Secretaria do Fórum, SPID, 25/08/1993. Publicado em Desejo, Barbárie e Cidadania - uma articulação entre Psicanálise e Política, org. Maria Inês França, Editora Vozes, Petrópolis 1994.

 

66-Vital Brazil, H. -"Psicanálise e o Espaço da Cidadania", apresentado no Painel Espaço da Cidadania e Psicanálise, SPID, Secretaria do Fórum, PUC-RJ, 22 de Setembro de 1993; publicado em Desejo, Barbárie e Cidadania, Editora Vozes, Petrópolis 1994.

 

67-Vital Brazil, H. -"Simbolização, Privação e Angústia", apresentado na SPID, Secretaria do Fórum, 10 Novembro de 1993. Publicado em Tempo Psicanalítico, 27, (7-37), SPID 1994.

 

68-Vital Brazil, H. -"Instauração da transferência, interpretação e demanda de análise", apresentado na SPID, Secretaria Clínica, 17 de Novembro de 1993. Publicado em Cadernos do Tempo Psicanalítico, nº 3 (22-32), SPID, Fevereiro de 1994.

 

69-Vital Brazil, H. -"A Ética de Antígona, a paixão de Sade e a questão do poder", Cultura Vozes, ano 87 - vol. 87, nº 6, (14-27), Novembro/Dezembro, 1993.

 

70-Vital Brazil, H. -"Sociedade de Psicanálise Iracy Doyle - 10 anos", conferência no aniversário da SPID, 27/4/1994. Publicado em Cadernos do Tempo Psicanalítico, nº 1, 9-18, SPID 1985

 

71-Vital Brazil, H. -"A Relação Conteúdo/Forma na Expressão Literária -uma leitura da interpretação freudiana da novela de Jensen", conferência, Secretaria de Ensino SPID26/Outubro/1994.

 

72-Vital Brazil, H. -"No Tempo da Modernidade: Interpretação, Realidade e Fantasia", Tempo Psicanalítico, 28, (7-32), SPID 1995.

 

73-Vital Brazil, H. –“Introdução a uma ética de reconhecimento e renúncia”, em Ética, Psicanálise e sua Transmissão, org. Maria Inês França, Editora Vozes, Petrópolis, RJ, 1996.

 

74-Vital Brazil, H. –“Psicanálise e linguagem mito-poética”, Psicanálise & Debate, ano 2, n. 2, 07-15, Associação Psicanalítica de São José do Rio Preto, 1997.

 

75-Vital Brazil, H. –“Sobre a Diferença entre Psicanálise e as Psicoterapias”, Tempo Psicanalítico, 29, (259-286), SPID, Rio de Janeiro, 1997.

 

76-Vital Brazil, H. –“Prefácio”, em Maria Inês França, Psicanálise, Estética e Ética do Desejo, Editora Perspectiva, São Paulo, 1997.

 

77-Vital Brazil, H. –“ La Interpretación como Acto Simbólico y el Sujeto de la Duda – la contribución de Piera Aulagnier”, trabalho apresentado no X Forum Internacional de Psicanálise, Madrid, 4-9 Maio, 1998.

 

78-Vital Brazil, H. –“Die Interpretation als Symbolischer Akt und das Subjekt des Zweifels”, publ.Wiener Arbeitkreis für Tiefenpsychologie, Wien, 1998.

 

79-Vital Brazil, H. –“L’Interprétation comme Acte Symbolique et le Sujet du Doute – la contribution de Piera Aulagnier”, enviado para publ. Sophie de Mijolla-Mellors, Juillet 1998.

 

80-Vital Brazil, H. – O Sujeito da Dúvida e a Retórica do Inconsciente, Imago Editora, Rio de Janeiro, 1998.

 

81-Vital Brazil, H. –“A Estratégia da Transferência e a Interpretação como Ato Simbólico”, Tempo Psicanalítico, 30, (71-100), SPID, Rio de Janeiro, 1998.

 

82-Vital Brazil, H. –“A Clínica Psicanalítica e um Novo Paradigma na Crise da Modernidade”, apresentado na Jornada de Psicanálise, 40 anos SPID/IMP, Rio de Janeiro, 23-25 de Outubro, 1998.

 

83-Vital Brazil, H. –“O Desamparo Originário e as Estruturas de Sublimação na Cultura”, V Forum Brasileiro de Psicanálise, Recife, 17-20 Junho de 1999. Anais do V Fórum Brasileiro de Psicanálise, Recife, PE, 1999, Círculo Psicanalítico de Pernambuco. Publicado em Cadernos do Tempo Psicanalitico, Nov./Dez. 1999.

 

84-Vital Brazil, H. –“O Sujeito Subversivo do Desejo e a Alienação Significante”, apresentado na. “VII Jornada da Fazenda Freudiana”, Goiânia, Nov. 1999.

 

85-Vital Brazil, H. –“An Ethics for the Psychoanalyst in the Posmodern Age”, XI International Forum of Psychoanalysis, New York, May 2000.


Instituições citadas: 
American Psychiatric Association 
American Association for the Advancement of Science 
Associação Brasileira de Psiquiatria 
American Society of Hispanic Psychiatrists , American Academy of Psychoanalysis 
Bellevue Psychiatric Hospital da New York University 
Centro Psicoanalitico de Madrid 
Faculdade Fluminense de Medicina
Flower Fifth Avenue Hospital da Columbia University 
Instituto de Medicina Psicológica
Instituto Vital Brazil
Serviço Especial de Saúde Pública do Ministério de Saúde
Ministério da Aeronáutica
Manicômio Judiciário Heitor Carrilho
Sociedade de Psicanálise Iracy Doyle
William Alanson White Psychoanalytic Society 
World Psychiatric Association

 

Pessoas Citadas:
Alberta Szalita-Pemow
Clara Thompson
Erich Fromm 
Florence Powdermaker 
Frida Fromm-Reichmann 
Iracy Doyle 
Jaime Pereira
Magdalena Pimentel 
Michael Balint
Urano Alves